14 de setembro de 2015

Piaget apoiará projeto social para crianças do Jardim Monte Cristo

Faculdade cederá estrutura física e envolverá alunos e professores em atividades com crianças da comunidade por meio de parceria com entidade

As crianças de famílias de baixa renda têm um motivo a mais para frequentar, a partir de agora, as aulas do projeto “Confiança e Respeito”, mantido pelo Esportivo Clube Monte Cristo. A partir deste mês, a entidade terá apoio da Faculdade Piaget, que cederá, além de sua estrutura física, também professores e alunos de seus cursos para o desenvolvimento de ações sociais do projeto, que, em sua essência, luta para afastar crianças e adolescentes das drogas e do aliciamento do tráfico.

Em cerimônia realizada no auditório da faculdade, o presidente do EC Monte Cristo, major Joaquim Castro de Souza, que comanda o projeto “Confiança e Respeito”, e o diretor-geral da Piaget, Marcus Rodrigues, assinaram o contrato que estabelece a parceria entre o clube esportivo e a faculdade. Na ocasião, as crianças, convidadas especiais, assistiram a uma peça de teatro montada e encenada por artistas da Companhia Atores Insanos, que também é parceira da Piaget.

Segundo Castro, as ações sociais, que agora ganham reforço com a parceria estabelecida com a Faculdade Piaget, são voltadas à inclusão de crianças e adolescentes na prática desportiva, cujo objetivo principal é impedir o recrutamento deles para o tráfico de entorpecentes. Nas aulas de futebol, antes da atividade física, os alunos também recebem orientação cívica, religiosa, social, comportamental, vocacional e sobre higiene e saúde pública. O major ressaltou a contribuição que a faculdade dá à comunidade com esta parceria: “A Piaget está abrindo suas portas aos jovens do bairro, que, assim, conhecerão a faculdade e a importância do ensino superior em suas vidas”, comentou.

Marcus Rodrigues explicou que a faculdade irá ceder sua estrutura física, como salas de aula e auditório, entre outros, para as atividades com as crianças, e que a proposta é também envolver alunos e professores dos cursos. O diretor lembrou que faz parte da filosofia da Piaget não somente proporcionar ensino superior de qualidade, mas apoiar e interagir com a comunidade no qual a instituição está inserida.

O major Castro contou que, há dez anos, pouco antes do início do projeto social, o Jardim Monte Cristo era conhecido como bairro violento e dominado por pontos de drogas. Em 2005, de forma voluntária e durante s horas de folga, policiais militares assumiram o desafio de transformar aquela realidade, começaram a interagir com a comunidade e conseguiram afastar a criminalidade. Com a melhora do ambiente, as famílias passaram a frequentar o clube esportivo. O projeto “Confiança e Respeito” reforçou a ação social ao envolver crianças e jovens nas escolinhas de futebol, além de adultos e idosos. Hoje, pelo menos 410 pessoas jogam bola e representam o bairro em campeonatos; desse universo, 150 têm de 6 a 20 anos. “Alguns desses garotos, no futuro, poderão até serem grandes jogadores, mas todos, certamente, serão pais de família e levarão o bom exemplo com eles”, disse Castro.

Todos contra a dengue

Depois da assinatura da parceria, as crianças do projeto “Confiança e Respeito” acompanharam atentamente cada diálogo travado entre os atores no espetáculo "De Frente com o Mosquito", que traz orientações sobre a dengue e irá circular em várias escolas municipais e estaduais. A peça trata, de forma educativa, de um assunto que merece atenção e mudança de postura de todos e a linguagem teatral possibilita que a informação chegue até crianças e adolescentes de forma mais interessante, mas sem abrir mão do conteúdo. O elenco é formado por Elizandra Depp, Carla Shinabe, Drico Oliveira e Rômulo Cabrera.

 

1projetosocial