27 de novembro de 2016

Piaget recebe “Prêmio Negro Sim” por promover inclusão pela Educação

Homenagem é um reconhecimento à instituição pelo legado do Instituto Piaget na promoção de todas as formas de igualdade e combate ao preconceito.

A Faculdade Piaget de Suzano recebeu, na noite de quarta-feira (23/11), o "2º Prêmio José Candido - Negro Sim". A homenagem, realizada pela Ícone Empresarial, é um reconhecimento à instituição pelo legado do Instituto Piaget na promoção de todas as formas de igualdade, inclusão social e combate ao preconceito por meio da Educação. O diretor-geral da Piaget, Marcus Rodrigues, recebeu o troféu na solenidade promovida no auditório da instituição. Personalidades de vários segmentos da sociedade, com histórias de luta e de superação, também foram homenageadas.

Em discurso, Rodrigues lembrou a importância do ensino e da educação no processo de transformação de pessoas e sociedades e citou o exemplo da coragem e determinação do Instituto Piaget na construção de um centro universitário em Angola num período extremamente conturbado, de guerra civil. Hoje, o campus do Instituto Piaget em Angola, que se soma a outras universidades instaladas em seis países de Língua Portuguesa, proporciona ensino superior a mais de 10 mil alunos.

Rodrigues falou ainda da Piaget de Suzano como propulsora do desenvolvimento pessoal, educacional e social de seus alunos e dos programas, como o que oferece bolsas 100% a suzanenses de baixa renda, como forma de ampliar a inclusão social e reduzir as desigualdades. “A Piaget está em Suzano para promover a elevação social e transformar vidas”, discursou.

A homenagem realizada na noite de quarta-feira é uma referência ao saudoso José de Souza Candido, falecido em 12 de fevereiro de 2012. Pai do ex-prefeito de Suzano Marcelo de Souza Candido, José Candido foi vereador por três legislaturas e quando faleceu exercia mandato como deputado estadual pela segunda vez. Seu legado, a história de luta e personalidade foram destacados pelos homenageados que, após receberem os troféus, discursaram para o público no auditório lotado. A futura primeira-dama de Suzano, Larissa Ashiuchi, participou da cerimônia e foi convidada a entregar os prêmios para a maior parte dos homenageados, todos afrodescendentes do Alto Tietê e donos de histórias repletas de superação e vitórias.

Homenageados

Além da Faculdade Piaget, representada pelo diretor-geral Marcus Rodrigues, receberam o prêmio: a futura-primeira-dama Larissa Ashiuchi; o ex-prefeito Marcelo Cândido; a vereadora Adriana Aparecida Félix, a Adriana do Hospital (PR), de Itaquá; a couch Márcia Chagas; os comerciantes Juliana Gomes e Márcio Gonzaga; o jornalista Brás Santos; os promotores de eventos Cláudia Santos e Daniel Santos; o médico Cleber da Costa; o corretor de seguros Rogério Hermínio; e os empresários Rodrigo Padiá, Valdemir Souza e Roide Souza.1